Aspirar em vez de apanhar – Eficiência na apanha da fruta utilizando vácuo

Aspirar em vez de apanhar – Eficiência na apanha da fruta utilizando vácuo

A mecanização também está a avançar na apanha da fruta, facilitando a colheita com dispositivos de aspiração. As bombas de vácuo da BUSCH podem ser utilizadas para gerar o vácuo necessário.
Fruit-harvest-suction-3.jpg

A megatendência da mecanização

Colher fruta requer trabalho manual: as frutas crescem esporadicamente em ramos e galhos tortos e têm de ser apanhadas cuidadosamente. Para automatizar este processo complexo, máquinas inovadoras replicam a mão humana com pinças mecânicas. Um sistema de controlo complexo assegura uma forma de preensão bastante apurada. No entanto, este processo é lento e requer um complexo sistema mecatrónico multietapas.

É muito mais fácil aspirar a fruta. Basta aproximar um tubo de aspiração. Como não há uma preensão com firmeza, é eliminado o risco de pontos de pressão na fruta. A mangueira e os cestos de recolha são feitos de material macio, de forma a que os produtos sensíveis possam chegar às caixas de transporte sem danos.

Rápido e fácil

Algumas máquinas de colheita já estão equipadas com tubos de aspiração que retiram a fruta diretamente das árvores. No entanto, apanhar cada fruta individualmente também consome muito tempo e requer um mecanismo algo complexo. Do ponto de vista técnico, a solução semiautomática é mais simples: os apanhadores (humanos) estão em pé sobre uma plataforma móvel de altura ajustável, a partir da qual podem alcançar facilmente a fruta nas árvores em palmeta. Eles põem a fruta num cesto macio, diante de uma mangueira de aspiração. A fruta é aspirada a partir desta posição e transportada pela mangueira.

Não há necessidade de utilizar escadotes, cestos e caixas, nem de se dobrar e de andar para trás e para a frente. Um apanhador consegue colher muito mais fruta num determinado período do que faria com a apanha convencional. Esta técnica de aspiração já há muito que é padrão na colheita de nozes. As árvores ou arbustos são sacudidos e as nozes são recolhidas do chão com um "aspirador de nozes".

Dependendo da fruta e do tipo de máquina, são utilizadas bombas de vácuo de dimensões diferentes para fornecer o vácuo necessário aos processos de aspiração. A BUSCH dispõe de uma vasta gama de soluções apropriadas para este propósito.

As máquinas para a colheita (parcialmente) mecanizada de fruta são um avanço relativamente recente. Noutros lugares, as bombas de vácuo já são usadas há muitos anos na agricultura e para o transporte dos respetivos produtos. Tal como os materiais secos a granel de granulado fino, por exemplo, todos os tipos de grão são perfeitamente adequados para o transporte a vácuo. O grão é transportado entre silos e recipientes de transporte, ou para o processamento subsequente nos moinhos, mediante bombas de vácuo. Os sistemas de ordenha também são operados com bombas de vácuo. O vácuo aspira o leite do úbere e transporta-o para a cisterna. Através das bombas de vácuo autoferrantes especiais, o chorume e as lamas residuais são transferidos dos recipientes de recolha para as cisternas de transporte, para distribuir o fertilizante biológico ou para processamento posterior nas fábricas de biogás.


Subscreva a newsletter ‘World of Vacuum'!
Subscreva já para se manter atualizado com as mais recentes e fascinantes notícias do mundo do vácuo.

SUBSCREVER